Os Fortes Estrela – Mundo

Olá a todos! Como estão as coisas? Cada vez que sinto que as minhas crenças são desafiadas de alguma forma por uma nova perspectiva, lembro-me da famosa citação de Leonardo Da Vinci:

Para desenvolver uma mente completa: Estude a ciência da arte; Estude a arte da ciência. Aprenda a ver. Perceba que tudo se conecta a todo o resto.” .

Parece que “ver” não é algo tão óbvio para todos. Cada pessoa estará praticamente no mesmo lugar e verá coisas completamente diferentes dependendo de sua formação cultural, estudos, crenças, profissão, etc. Como afirmou certa vez outro importante nome da literatura:

Não vemos o mundo como ele é, nós o vemos como nós somos.” (Anaïs Nin).

Acredito que à medida que nós, seres humanos, ampliamos nosso nível de consciência em relação ao mundo existente, também passamos a ver as coisas de forma diferente.

Aliás, lembro-me de uma vez, quando estava fazendo um curso de formação, para me tornar tutora da QUT (Queensland University of Technology) na Austrália, em Consciência Cultural em relação à cultura indígena australiana, um dos formadores do curso mencionou que:

Na nossa cultura aprendemos através da experiência e não através de ‘mitos’.”.

Isso simplesmente me surpreendeu na hora! Nunca mais vi as coisas da mesma maneira. Isto me faz pensar que as culturas indígenas sabem muito bem do que falava Leonardo Da Vinci.

Nos anais da história, em meio aos contos de conquistas e defesas, erguem-se monumentos de brilho arquitetônico e design estratégico – os Fortes Estelares. Estas estruturas enigmáticas, caracterizadas pela sua distintiva disposição em forma de estrela, pontilham as paisagens de vários continentes, cada uma testemunhando uma era passada de proeza militar e engenhosidade. Da Europa à Ásia, e até mesmo às Américas, o legado dos Fortes Estelares continua a intrigar e cativar tanto historiadores como observadores casuais.

Vista superior do Forte Bourtange, localizado na Holanda, capa do nosso post. Fonte: https://stock.adobe.com/

Mapa extraído do Google Maps mostrando a localização dos Forte Estrela em todo o mundo, distribuidos por 105 nações. Fonte: Google Maps 2024.

Origens e Evolução

Para compreender o significado dos Fortes Estelares, ou Fortificações Abaluartadas, é preciso mergulhar em suas origens. Surgidas durante o período renascentista na Europa, estas fortificações representaram um afastamento dos designs tradicionais de castelos medievais. Seu desenvolvimento foi estimulado pelos avanços na tecnologia militar, particularmente pelo uso generalizado de pólvora e artilharia.

A precisão geométrica dos Fortes Estelares não era meramente estética; serviu a um propósito prático. O layout em forma de estrela proporcionou vários ângulos de defesa, permitindo cobertura ideal e fogo cruzado contra ataques inimigos. Este design inovador maximizou a eficiência dos canhões e mosquetes, tornando significativamente mais difícil para os sitiantes violarem as fortificações.

Bem, essa é a narrativa oficial sobre Fortes Estrela sendo criados por sociedades militares movidas a pólvora dos séculos 15 a 16. Sociedades que possuíam conhecimentos tecnológicos e fisiológicos muito limitados segundo a história oficial, ainda lidando com inúmeras doenças, metalurgia pesada e baixíssima longevidade humana. No entanto, eles foram capazes de construir estruturas enormes em todo o mundo que têm formas geométricas perfeitas. Formas que na minha perspectiva não são as mais interessantes para a defesa, com tantos cantos cegos. Eu me pergunto se eles também tinham o mesmo designer! Ou talvez uma escola comum de design. Mesmo sendo colonizadores diferentes?

Geometria sagrada

Além de sua função utilitária, os Fortes Estelares estão imbuídos de um profundo senso de geometria sagrada. A forma de estrela, com as suas linhas que se cruzam e ângulos simétricos, reflete os princípios de harmonia e equilíbrio inerentes à geometria sagrada. As civilizações antigas, dos egípcios aos gregos, reverenciavam os padrões geométricos como manifestações da ordem divina e do significado cósmico.

A incorporação da geometria sagrada no design dos Fortes Estelares sugere talvez uma conexão metafísica mais profunda. Alguns teóricos propõem que estas estruturas foram construídas de acordo com princípios esotéricos, alinhando-se com linhas ley ou energias cósmicas para melhorar as suas capacidades defensivas, isso se fossem defensivas mesmo. Embora especulativas, tais interpretações sublinham o fascínio místico que rodeia os Fortes Estelares e o seu apelo atemporal.

Imagem comparando a forma de um forte estelar (Neuf-Brisach na França, no canto superior esquerdo) com a geometria da ‘Flor da Vida’ e também com os antigos símbolos hindus baseados na geometria sagrada. Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=m9Swdj9sues

Sistema de Grade da Terra de Becker Hagens, ou Linhas Ley. Fonte: https://allmapslibrary.blogspot.com/2016/09/ley-line-maps-united-states.html

Presença global

Embora comumente associados à Europa, os Fortes Estrela podem ser encontrados em todo o mundo, atestando a sua ampla influência e adaptação. Na Ásia, exemplos notáveis incluem o Goryokaku no Japão e o Forte Manjarabad na Índia, ambos apresentando variações no layout em forma de estrela adaptadas ao terreno local e às necessidades estratégicas.

Curiosamente, acabaram por ser incorporados no tecido urbano de muitas cidades em todo o mundo e alguns deles parecem fantasticamente integrados!

Forte Goryokaku, localizado no Japão. Fonte: https://www.byfood.com/areas/hokkaido/goryokaku

O Forte Manjarabad, localizado em Karnataka, Índia. Fonte: https://www.borrbo.com/outings/Manjarabad-Fort

Atual Cidadela de Dong Hoi, Vietnã. Fonte: https://vietnamseaplanetours.com/hue-seaplane-tour/

Nas Américas, os Fortes Estrela desempenharam um papel fundamental na conformação de conflitos coloniais e na expansão territorial. O Castillo de San Marcos em Santo Agostinho, Flórida, e o Forte McHenry em Baltimore, Maryland, exemplificam a adaptação das técnicas de fortificação europeias ao Novo Mundo. Estas fortalezas permanecem como símbolos duradouros de resiliência e património, convidando os visitantes a contemplarem o seu significado histórico.

Castillo de San Marcos em St. Augustine, Flórida, EUA. Fonte: https://staugustineadventure.com/attractions/castillo-de-san-marcos/

Fort McHenry em Baltimore, localizado em Maryland, EUA. Fonte: https://baltimore.org/what-to-do/behind-the-ramparts-of-fort-mchenry/

Forte dos Reis Magos, localizado em Natal, Brasil. Fonte: https://www.praiamarhoteis.com.br/es/o-que-fazer-em-natal/forte-dos-reis-magos

Cimática

Existe um campo de estudo que intriga muitas pessoas hoje em dia: chama-se Cimática. É uma espécie de ferramenta que nos permite ver o invisível, de certa forma. Em resumo, experimentos com cimática nos permitem visualizar padrões geométricos formados por diferentes frequências aplicadas a substâncias físicas como água e areia distribuídas em uma superfície metálica. É incrível notar como as formas geométricas variam de acordo com os diferentes sons, ou frequências, emitidos por uma fonte específica.

Alguns especulam que, talvez, os Fortes Estrela tenham perdido alguma função no passado relacionada à cimática, especialmente porque muitos deles estão localizados sobre grandes porções de água.

Notas em um piano como imagens cimáticas. Fonte: https://ask.audio/articles/how-sound-affects-you-cymatics-an-emerging-science

Amostras de água submetidas a diferentes frequências sonoras. Fonte: https://blog.ambient-mixer.com/uncategorized/cymatics-the-visualization-of-sound/

Legado e Preservação

Apesar da passagem dos séculos, muitos Fortes Estelares permanecem como lembretes tangíveis da engenhosidade e resiliência da humanidade. Estão em curso esforços para preservar e proteger estas maravilhas arquitetônicas, impulsionados pelo reconhecimento do seu valor cultural e significado histórico. Organizações como a UNESCO reconhecem vários Fortes Estelares como Patrimônio Mundial, sublinhando a sua importância universal.

Além do seu significado histórico e cultural, os Fortes Estrela continuam a inspirar admiração e fascínio na era moderna. A sua elegância geométrica e capacidade estratégica servem como testemunhos duradouros da criatividade e inovação humanas, transcendendo as fronteiras do tempo e da geografia.

Conclusão

Na vasta tapeçaria da história humana, os Fortes Estelares ocupam um nicho único e intrigante. Desde as suas origens na Europa renascentista até à sua presença global hoje, estas fortificações incorporam a convergência da estratégia militar, da engenhosidade arquitetônica e do simbolismo sagrado. Como guardiões do passado, convidam-nos a explorar os mistérios da história e a contemplar os princípios atemporais da geometria sagrada. Ao fazê-lo, ganhamos não só uma apreciação mais profunda das maravilhas das realizações humanas, mas também um sentido renovado de ligação ao nosso patrimônio partilhado.

Embora nos façam levantar questões sobre a nossa história como humanidade e questionar se no passado houve uma civilização global da qual sabemos muito pouco, essas são estruturas bastante surpreendentes que continuam a inspirar-nos e a surpreender-nos onde quer que vamos nesta Terra. Acho que a realidade foi feita para ser questionada, é assim que evoluímos. Eu realmente espero que eles inspirem você também!

Fontes Importantes:

https://saigoneer.com/vietnam-heritage/18626-vauban-architecture-the-foundation-of-central-and-northern-vietnam-s-citadels

https://www.theatlantic.com/photo/2023/11/photos-star-forts/675936/

https://stock.adobe.com/br/images/aerial-view-from-the-drone-of-star-shaped-fort-bourtange-groningen-the-netherlands/440625517?asset_id=440625450

https://pt.wikipedia.org/wiki/Fortifica%C3%A7%C3%A3o_abaluartada

https://pt.wikipedia.org/wiki/Renascimento

https://pt.wikipedia.org/wiki/Geometria_sagrada

https://pt.wikipedia.org/wiki/Linhas_de_Ley

https://pt.wikipedia.org/wiki/Cim%C3%A1tica

https://ask.audio/articles/how-sound-affects-you-cymatics-an-emerging-science

https://svaram.org/cymatics/

 

 

 

1 comments
3 likes
Prev post: Casa Anexo Dobrado II – Kew, VIC (Austrália)Next post: Centro de Artes de Cingapura – Cingapura

Related posts

Comments

  • Deborah

    10 de abril de 2024 at 14:34
    Reply

    Muito interessante esse conteúdo, estreitando os laços entre o desconhecido e o conhecido. O que definitivamente põe à prova as nossas crenças.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Livro Destino Austrália
Audiobook – Destino Australia (Versão Inglês
Promo = Ebook Destino Australia + Ebook Descobrindo a Australia
ÚLTIMOS POSTS
DESTAQUES
Australia